Total de visualizações de página

Páginas

sábado, 8 de outubro de 2011

Santa Rosa democratiza a Sétima Arte

Por: Andressa Streicher, Deisi Fabrim e Lisiane Sackis


Quem não teve a oportunidade de prestigiar, neste ano, o 39º Festival de Cinema de Gramado pode apreciar no 3º Santa Rosa Mostra Gramado, semana passada (28, 29 e 30), alguns filmes premiados no Festival. Além da Mostra, os santa-rosenses foram presenteados com o 1° Festival de Cinema e Vídeo de Santa Rosa – 80 anos de curtas-metragens.

Mostra Gramado

A Mostra exibiu três filmes vencedores em Gramado: “O Carteiro” , premiado com a melhor fotografia; o longa-metragem “Riscado”, vencedor das categorias melhor diretor, atriz, roteiro e trilha musical; e o longa “Uma longa viagem”, grande vencedor de Gramado. Foram exibidos também filmes convidados, entre eles duas produções locais, “Os Desbravadores”, de Ânderson Farias e “Esporte Club Guarani – 50 anos de Glória por Adico Tolazi”.




O Secretário da Cultura de Santa Rosa, Ângelo Zeni destacou que a exibição de filmes recém premiados, ainda nem mesmo vistos em grandes capitais, valoriza o cinema no município. “Isso nos remete para um desafio maior, é consolidar este projeto e continuar lutando para que o cinema volte a ser uma atividade frequentada pela população”.






O primeiro Festival de Cinema

O Festival de Cinema e Vídeo de Santa Rosa contou com a inscrição de 43 obras de vários lugares do Brasil. Destas foram selecionadas 13 na categoria livre e seis na categoria estudantil para concorrer ao Prêmio.


O secretário da cultura salienta que a participação de obras de vários lugares do estado, do Brasil e fora dele valoriza o evento, prova que é possível sim fazer cinema aqui e não somente em grandes cidades. Além da valorização dada pelo público que está participando, de atores e diretores. “Para nós o cinema é uma atividade de inserção social”.

A criação do primeiro Festival de Cinema de Santa Rosa surge com o objetivo de democratizar ainda mais a sétima arte no município e região. Oportunidade de artistas mostrarem seu trabalho e de a população poder curtir as obras gratuitamente, sem precisar se deslocar a grandes centros.

A premiação

Os vencedores do 1º Festival foram conhecidos na última noite do evento. Teve premiação para melhor filme, roteiro, ator, atriz e diretor nas categorias livre e estudantil.


Confira os vencedores:

Categoria Estudantil

Melhor atriz: Valesca Linauer – Aurora – Santa Rosa
Melhor ator: Vítor Hugo Bigolin – Encontro Adiado – Três de Maio
Melhor roteiro: Keli Demo Christ – Encontro Adiado - Três de Maio
Melhor diretor: Gabriela Machado – O que é isso companheiro? - Santa Rosa
Melhor filme: Encontro Adiado – Três de Maio

Categoria livre

Melhor atriz – Rafaela Cassol – Sangue e Goma – Porto Alegre
Melhor ator – Felipe de Paula – Corneteiro não se mata – Porto Alegre
Melhor roteiro: Abel Roland – O cão – Porto Alegre
Melhor diretor: Pablo Müller – Corneteiro não se mata – Porto Alegre
Melhor filme: Corneteiro não se mata – Porto Alegre
Menção Honrosa: Silêncio, por favor

Confira a matéria de encerramento do Festival e da Mostra Gramado, exibido na RBS TV Santa Rosa:



video


Os vencedores receberam o troféu Semeador, nome escolhido em uma promoção do Clic RBS de Santa Rosa. O ganhador da sugestão Eliseu Holz foi homenageado durante a noite com um troféu e uma tela com a imagem de um Semeador.

Liege Nardi, coordenadora executiva do Festival de Gramado comentou que: " A cidade é muito guerreira, o povo é muito batalhador, tem cultura na raiz, só tem que estimular mais a cultura do audiovisual. Porque é uma cidade feita de cultura, aqui tem coisas que muitas vezes não encontramos em cidades mais próximas de capitais”.

Também estiveram presentes no evento, o ator Leonardo Machado que participou do Júri, a atriz Fernanda Moro e o ator Marcos Verza como mestres de cerimônia. E ainda o ator porto alegrense, Evandro Elias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário